Siga-nos:
(62) 3205-1989 | 3954-0889
COMUNIDADE SANTA TERESINHA DO MENINO JESUS
Programação Semanal

Sábado: Missa às 19:00h.


A história da Capela Santa Teresinha começa com a saga do casal Joana Marinho de Araújo e Patrocínio Viana de Araújo, que no final de década de 50, saíram de sua terra natal, uma pequena cidade com o nome de Porta Alegre, encravada no sertão do Rio grande do Norte, com seus 14 filhos, poucos pertences e um quadro com a imagem de Santa Teresinha na bagagem (dona Joana era devota extremada dessa linda santa), para tentarem no centro-oeste do país uma vida melhor para todos. A viagem até aqui feita em um pau-de-arara, condução que foi possível na época, pois os recursos eram pequenos e a família muito grande.

Chegando em terras goianas, a família adquiriu um pedacinho de terra onde se estabeleceu no Km 08 na rodovia que segue para Nerópolis, dando o nome a essa pequena Chácara de Bom Retiro, fala Necilia Viana Marinho, uma das filhas de Dona Joana e seu Patrocínio e grande apoiadora nos sonhos da mãe: "mamãe era uma pessoa jovem, uma pessoa jovem de natureza, mulherzinha baixa, corajosa, mamãe não era uma pessoa rançosa apesar de seus 86 anos, mas ela era uma pessoa muito alegre".

Dona Necilia conta que seus pais tinham muita preocupação com a educação dos filhos, sobrinhos e netos. Foi então que seu pai doou um pedacinho de terra dessa Chácara Bom Retiro para que a Prefeitura construísse ali uma escola, que receberia depois o nome de ‘Escola Municipal Santa Teresinha’. Hoje a escola atende não apenas aos familiares de dona Joana mas toda a comunidade adjacente.

Dona Joana tinha outro sonho, dizia dona Necilia, era a construção de uma capela para a santa de sua devoção. A princípio dona Necília disse: "é impossível mamãe, porque o lugar é muito pequeno, uma comunidade muito pequena, sem recursos, nós não podemos fazer essa igreja. Ela abaixou a cabeça e quis chorar". Mas o pedido da mãe ficou encravado no coração da filha que acabou indo tentar com os irmãos, a ajuda necessária para a realização do sonho da mãe, só que os irmãos (os homens), acharam a idéia absurda: "tira isso da cabeça da minha mãe, não existe a mínima possibilidade para isso" diziam eles.

Dona Necilia como não é uma mulher de desistir tão facilmente, resolve abraçar de vez o sonho da mãe e começa então uma grande luta para tentar torná-lo realidade. Com o apoio das irmãs (as mulheres), e como a mulher extremamente comunicativa que é, começa a falar com outros familiares, amigos e vizinhos. Todos ajudaram e conseguiram então comprar um terreno ao lado da escola doada por dona Joana e seu esposo à comunidade, para a construção da capela.

A filha de dona Joana então começou a fazer rifas e outros eventos. Fez diversas campanhas onde conseguiu ganhar telhas, tijolos e madeiras. Até uma antiga amiga que morava no Rio grande do Norte ajudou na construção. "Tudo foi construído com donativos", diz dona Necilia.

No ano de 2002, a Capela de Santa Teresinha foi inaugurada e dona Joana pôde então ver seu sonho transformado em realidade e vivenciá-lo por seis anos. "Para minha mãe não existia nada melhor que estar dentro de sua capela", diz dona Necilia.

No início as missas aconteciam uma vez por mês, pois a paróquia contava apenas com o Padre Pedro Martinez e as comunidades já eram muitas. Com a chegada de mais dois padres para a Paróquia Nossa Senhora da Assunção (a qual a capela é jurisdicionada), a Capela de Santa Teresinha teve a grande felicidade de passar a ter suas missas semanais, sempre aos sábados. Com isso a comunidade não precisa mais se deslocar para outros lugares para participarem da Santa Missa.

No dia 30 de setembro de 2008, dona Joana faleceu, vítima de uma infecção generalizada, sendo sepultada no dia dedicado a Santa Teresinha. "O maior presente que Deus podia ter dado a minha mãe", diz dona Necilia emocionada, "ser enterrada no dia da festa de sua santinha querida. Tenho certeza que foi Santa Teresinha que levou minha mãe nos braços", completa.

Há dois anos, com o grande incentivo de padre Marcos (também fervoroso devoto da Santa), acontece na capela a novena e a "Festa das Rosas", com o encerramento no dia de Santa Teresinha, 1º de outubro.

Nesse ano de 2011, a comunidade está empenhada na melhoria física da Capela para que os eventos aconteçam de forma mais tranquila e acolhedora. Foi cimentada toda a área da parte do fundo da capela, estão sendo construídos dois banheiros e a cozinha também está passando por melhorias. A obra deverá estar concluída para a festa das rosas desse ano.

A comunidade conta atualmente, com um grupo da ‘Renovação Carismática Católica’, que se reúnem sempre as terças-Feiras às 19h30.

Quem desejar ajudar a comunidade, é só entrar em contato e as benção de Santa Teresinha estarão sempre sendo derramadas sobre todos:


Coordenador do Conselho
Nelson - (62) 8308-0404

Vice-Coordenadora
Cristina - (62) 9984-8311
Todos os Direitos Autorais Reservados à Paróquia Nossa Senhora da Assunção - Arquidiocese de Goiânia
© Copyright - Proibida a Reprodução de Qualquer Tipo


Fones: (62) 3205-1989 | 3954-0889
E-mail: contato@nossasenhoradaassuncao.com.br
Siga-nos: